Mês: novembro 2010

ENCERRAMENTO – 28/11 (Domingo)

Postado em Atualizado em

GrupoMAMULENGO MULUNGU (DF)

Espetáculo: BABAU

DIA 28 DE NOVEMBRO

Horário: 10h

Local: FEIRA PERMANENTE (SETOR NORTE)

Brincadeira da tradição do teatro de bonecos popular que veio do nordeste e há cinqüenta anos criou raízes nas periferias de Brasília. O vaqueiro Benedito, o boi do patrão, a Cobra Grande e uma série de outros personagens compõem a apresentação sempre muito alegre e colorida.

Carlos Machado é mamulengueiro candango. Há muitos anos roda o país se apresentando em assentamentos, aldeias, praças, escolas e em lugares onde o teatro jamais chega.

Ficha técnica:

Mamulengueiro: Carlos Machado

Classificação indicativa: 18 anos

Grupo: Cia Jorge Crespo de Teatro de Bonecos (RJ)

Espetáculos: Histórias, Causos e Contos

Dia: 28/11

Horário: 17h

Local: Teatro do Sesc


Zé Canhoto é um boneco muito especial. Atua como violeiro e contador de histórias.

Neste espetáculo, “Histórias Causos e Contos”,

Zé Canhoto diverte o público com seu jeito diferente de contar

histórias e causos que fazem parte de seu repertório.

São belas narrativas adaptadas que utilizam variadas técnicas do teatro de animação.

Ficha técnica:

Criação e Direção: Jorge Crespo

Animação de bonecos e objetos :Jorge Crespo

Cenografia: Claudia Vasques E Jorge Crespo

Produção: Cia. Jorge Crespo De Teatro De Bonecos

Classificação indicativa: Livre

Grupo: CIA TITERITAR (DF)

Espetáculo: PEDRO E O LOBO

DIA 28/11

Horário: 18HS

Local: Espaço Cultural Bagagem (Qd 40 Setor Central)

Unindo teatro e literatura, o espetáculo “Pedro e o Lobo” cria o interesse pela leitura através da originalidade e vivacidade das marionetes e da influência da linguagem do teatro na narrativa.

Adaptado da obra do compositor russo Sergueï Prokofiev, onde cada personagem é associado a características sonoras. Assim, o passarinho é representado pela flauta, o gato pelo clarinete e o próprio Pedro, pelas cordas. Foi essa maneira que o compositor russo encontrou para tornar os principais instrumentos e sons de uma orquestra sinfônica acessíveis às crianças.

“Pedro e o Lobo” conta à história de um menino e de seus amigos: o gato, o pato, o pássaro e suas aventuras para capturar um lobo, impedindo que o caçador o mate. Tudo isso sob o olhar atento do seu avô.

“Pedro e o Lobo” oferece à criança a oportunidade do contato inicial com o encantador universo do teatro de bonecos e da literatura numa linguagem simples e bonita

.

Ficha técnica:

Espetáculo de marionete (fio) Bonequeiro: Onildo Junior

Sonoplastia: Lucas Rezende

Confecção dos bonecos, cenário e adereços: Onildo Junior

Classificação indicativa: Livre

Anúncios

10º dia – 27/11 (Sábado)

Postado em Atualizado em

Grupo: MAMULENGO PRESEPADA (DF)

Espetáculo: O ROMANCE DO VAQUEIRO BENEDITO

DIA 27 DE NOVEMBRO ÀS 17:00h – TEATRO DO SESC  (SETOR LESTE INDUSTRIAL)


Alguns personagens do Romance do Vaqueiro são clássicos da cultura popular e trazem parentesco próximo com os personagens da Comedia Dell`Arte; Benedito, Margarida, João Redondo, Doutor Mané Vou Lá Hoje e Briguelinha. Outros já são bem brasileiros; Zé da Sanfona, Rosinha do Bole-bole, Palhaço da Vitória e Janeiro Vêm Janeiro Vai. Alguns são mitológicos: Alma da Defunta Sem Vergonha, José Lusbel Tufá e Jaraguá.

Outros são animais simbólicos como a cobra grande Carpina, o Bumba-meu-boi Estrela, o urubu Limpa Mundo e o passarinho Boa Nova. Esses são básicos, mas outros podem entrar ao sabor dos improvisos e da comunicação direta com o público. O roteiro pode variar também de brincadeira para brincadeira, mas sempre tratará de questões particulares que se universalizam por identificação com qualquer platéia.

Ficha técnica:

Mamulengueiro: Chico Simões

Percussão: Andressa Ferreira

Rabequeiro: Joaley Almeida Lemos

Classificação indicativa: Livre

GrupoNÚCLEO OTELLO DE PESQUISA E PRODUÇÃO TEATRAL (DF)

Espetáculo: CANGAIA

DIA 27 DE NOVEMBRO

Horário: 18h

Local: Espaço Cultural Bagagem qd 40 setor central

Gira mundo é um contador de histórias que viaja pelo mundo com seu companheiro nonô e seu cavalo Jupí, contando suas histórias diante  de  um altar mágico, representado por Baltazar, Belquior e Gaspar os três reis magos, diante deste altar tudo que se conta vira realidade e desta forma poderemos ouvir e viver  historias contadas por este aventureiro, sempre acompanhadas de músicas populares com bonecos de cobras e muitos outros, além de  cuspidor de fogo e mágicas uma montagem tipicamente popular , onde os elementos apresentados são simples e a principal ação do espetáculo é a contação de historia, graças as oralidades dos ribeirinhos, povos das florestas, quilombolas e tantos outros que de maneira imaculada mantiveram viva nossa identidade cultural nosso maior Patrimônio.

Ficha técnica:

Texto: Historias Da Cultura Popular Adaptadas Por Wellington Nascimento.

Encenação: Wellington Nascimento

Elenco: Wellington Nascimento.

Confecção de bonecos, cenário e figurino: Neide Rocha e Wellington Nascimento

Classificação indicativa: Livre

9º dia 26/11 (Sexta)

Postado em Atualizado em

Grupo: PIGMALIÃO (MG)

Espetáculo: SEU GERALDO – VOZ e VIOLÃO

DIA 26 DE NOVEMBRO

Horário: ÀS 10h e 16h

Local: TEATRO DO SESC (SETOR LESTE INDUSTRIAL)

Seu Geraldo é um simpático e irreverente violeiro que passa a vida a viajar cantando e contando causos. Velho do interior de Minas é um  personagem complexo, com história de vida, inspirado no pai e no avô do bonequeiro Eduardo Felix.

Carinhosamente apelidado pelo público especializado como um “mamulengo de fio”. Seu Geraldo quebra o paradigma da técnica de marionetes de fios ser considerada

hermética, por seus manipuladores com caráter extremamente técnico. O espetáculo tem alcance popular e cria uma atmosfera de aconchego,  comunicação direta e quente com a platéia, principalmente por sua estrutura e a atuação do ator-manipulador. O frescor da improvisação em cena facilita a interação com público, e o espetáculo meche com o imaginário popular e a memória, através de um repertório que revisita a produção musical das décadas de 30 e 40.

 

Ficha técnica:

 

Concepção plástica, direção e atuação: Eduardo Felix

Construção dos bonecos: Eduardo Felix, Evandro Serodio e Taís Scaff

Produção Geral: Bárbara Eyer

Realização: Grupo Pigmalião

Classificação indicativa– Livre

 

8º dia – 25/11 (Quinta Feira)

Postado em Atualizado em

Grupo: MAMULENGO SEM FRONTEIRAS (DF)

Espetáculo: EXEMPLOS DE BASTIÃO

DIA 25 DE NOVEMBRO

Horário: ÀS 10h e 16h

Local:  ESCOLA CLASSE 09 (SETOR SUL)

Baseado na literatura de cordel o teatro de mamulengo, onde  a música surge  como elemento condutor,  entrelaçando um curioso enredo, exemplos de bastião é um espetáculo que  conta a história de um palhaço de folia de reis que se mete em grandes confusões com sua burrinha relâmpago, padre Simão sem cuidado , Capitão João redondo e até mesmo com bichos do além,   sempre trabalhando com a comunicação direta e a participação voluntária do público, que é considerado como um elemento a mais no espetáculo, podendo interferir e até determinar novos rumos para a história,  cada apresentação é uma novidade, confirmando que com maestria e graça a arte é sempre uma grata surpresa, para adultos e crianças.

Ficha técnica:

Brincante: Walter Cedro

Trilha sonora: Quejim, Rosimar Cedro e Wagner Nascimento.

Classificação indicativa: Livre

7º Dia – 24/11

Postado em Atualizado em

Grupo: CIA. VOAR TEATRO DE BONECOS (DF)

Espetáculo: JOÃO E O PÉ DE FEIJÃO

DIA 24 DE NOVEMBRO

Horário: 10h E 16h

Local: ESCOLA CLASSE 22 (SETOR CENTRAL)

 

João e o Pé de Feijão é o primeiro trabalho do grupo Voar Teatro de Bonecos, dirigido por Marco Augusto, bonequeiro oriundo do grupo Bagagem  onde atuou por 15 anos com intensa pesquisa sobre o teatro de bonecos  e suas técnicas e linguagem cênica.

Um espetáculo solo em que Marco Augusto dá vida a todos os personagens da história de João, um menino movido pela curiosidade, fantasia e astúcia de toda criança, vence o gigante e acaba com a fome e a aridez do lugar onde mora, mudando seu destino e de sua família.

 

Um conto popular rico em simbolismo, uma aventura fantástica e de elementos mágicos: a semente que brota até o céu, a galinha dos ovos de ouro, o terrível gigante, a harpa encantada, tudo isso encenado com o encanto do teatro de bonecos.

Ficha técnica:

Adaptação, direção e atuação: Marco Augusto

Operação de som: Lúcia Corrêa

Classificação indicativa: Livre

 

6º Dia – 23/11

Postado em

Grupo: CIRCO BONECO E RISO (DF)

Espetáculo: HOJE TEM ESPETÁCULO, TEM SIM SINHÔ

DIA 23 DE NOVEMBRO

Horário: ÀS 10h E 16h

Local:  ESCOLA CLASSE 06 (SETOR OESTE)

É um espetáculo circense que revive brincadeiras e  números tradicionais de circo  como canções de palhaços, perna-de-pau, monociclos, malabares, teatro de Bonecos entre outros.

Este espetáculo já foi  apresentado em todo DF e Entorno sendo o grupo Circo Boneco e Riso uma Cia. Original do Nordeste Brasileiro e teve profundo convívio com a cultura popular, circo e outros folguedos da região, hoje  é referencia de estudo e enriquecimento para jovens, artistas, professores e pesquisadores da cultura popular brasileira.
Ficha técnica:

Direção: Rosineide Amorim

Elenco: Rita de Cássia, Maria de Nazaré, Isabel Andréia, Neide de Amorim, Michael Moraes, Breno Malaquias e Kenny Wesley.

Classificação indicativa: Livre

Quinto dia de FESTINECO

Postado em Atualizado em

Grupo: AS CAIXEIRAS CIA. DE BONECAS (DF)

Espetáculo: CAIXA DE MITOS – LENDAS DO BRASIL

DIA 22 DE NOVEMBRO

Horário: 10h E 16h

Local: RODOVIÁRIA DO GAMA (SETOR CENTRAL)

O espetáculo Caixa de Mitos – Lendas do Brasil apresenta quatro personagens do imaginário popular brasileiro em lendas indígenas e caboclas: o Curupira, a Boitatá, o Saci e a Iara. O espetáculo pode ser visto por até três espectadores por vez e tem duração de seis minutos. O cenário, uma grande floresta brasileira, é o pano de fundo onde se desenrolam surpresas que encantam crianças e adultos. Público livre.
Ficha técnica:

Bonequeiras: Amara Hurtado, Jirlene Pascoal, Mariana Baeta

Cenário: Marcella Ferreira

Bonecos: Markus Kunschak, Moma Becker e As Caixeiras

Trilha Sonora: Caju

Produção: As Caixeiras – Cia de Bonecas

Classificação indicativa: Livre